A vida de um famoso

Postado por Daniel Souza quinta-feira, dezembro 01, 2011



”Então, correu célere a fama de Jesus em todas as direções, por toda a circunvizinhança da Galiléia”. (Mc.1.28)

“Reconhecimento; evidência; notável; referência e destaque” são palavras geralmente usadas para traduzir fama.
No entanto, alguns termos mais agressivos e perigosos são constantemente usados como sinônimos para uma pessoa famosa, como, estrela; ídolo; ícone; símbolo; astro; rei; lenda; e até “deus”.

Minha intenção ao abordar este assunto é levar meus amigos e irmãos a refletir no quanto a fama pode representar algo perigoso que, mais cedo ou mais tarde, se volta contra quem se deixa seduzir por ela.

É importante reconhecermos que ficar famoso pode se tornar algo inevitável. É comum pessoas se tornarem famosas sem jamais terem desejado reconhecimento. Muitos, por conta de seu talento e habilidade acabam sendo reconhecidos.
Soube do caso de um guitarrista que se tornou mundialmente famoso desde que alguém o ouviu tocando do outro lado da parede do quarto onde ele, sozinho, estudava seu instrumento.

Porém outros vivem em busca da fama. Estes estão dispostos a tudo para serem notados e terem, como dizem alguns, “seu lugar ao sol”. Fazem pactos (até com o diabo), se vendem, abrem mão de valores outrora inegociáveis e passam por ridículo, com o fim de serem notados e reconhecidos.

O texto que lemos no início desta matéria nos mostra a fama de Jesus. No entanto, quando estudamos com cuidado a vida e obra de Jesus, vemos que ele jamais procurou ou desejou a fama.
Os irmãos de Jesus expuseram o que há no coração dos homens quando tentaram “fazer o marketing” do ministério do Senhor (Jo.7.3,4). Esta passagem é muito interessante.

Mas qual o problema em ser famoso? A fama não compensa os riscos que oferece? O que dizer sobre este tema?

Quero compartilhar algumas coisas que tenho percebido nos famosos. Desejo que você leia e peça a ajuda e proteção de Deus para que não se torne mais uma vitima do mundo da fama.

Como é a vida de um famoso?

Falsa sensação de importância
A fama corrói a humildade lentamente. O famoso se esquece de que é mais um e começa a pensar de si mesmo como um destaque ou até o único. Sentir-se o centro das atenções pode culminar no absurdo de sentir-se o “centro do universo”. Não duvidemos do ser humano...

Confusão nas relações
Solidão, afastamento dos verdadeiros amigos e assédio de relacionamentos superficiais e interesseiros são algumas crises que os famosos curtem em sua carreira.
Fiquei muito impressionado com a declaração de um artista. Ele dizia se inspirar num livro onde o autor afirma que uma pessoa deve se casar com a solidão se quiser tornar-se famosa.

Pesado e árduo trabalho de administração da auto-imagem
Como deve ser difícil não poder ser mais quem você verdadeiramente é! Ser diferente, chamar a atenção, lutar para não ser comum ou até viver oscilando entre o esplêndido e o ridículo são fardos que muitos famosos carregam. Em casos mais complicados este desconforto é “anestesiado” com cirurgias plásticas e outras coisas radicais.

Perda da privacidade
Privacidade é algo muito apreciado por todos os seres humanos. Creio que os recém famosos não concordarão comigo até que passe algum tempo e comecem a sentir saudades de quando podiam freqüentar lugares públicos sem importunação.
Constantes pedidos de autógrafos; pedidos de pose para fotografias; críticas (“boas” e “ruins”); fofocas; perseguições a familiares, etc., se tornam desconfortáveis com o passar do tempo. E dependendo do momento em que a pessoa esteja vivendo, este desconforto aumenta.

Comprometimento da saúde física e emocional
Ansiedade; depressão; stress; anorexia; obesidade; dependência química; insônia; dentre outras complicações de saúde são muito freqüentes entre os famosos. A fama exerce um peso progressivo sobre a pessoa até tornar-se algo insuportável.

Vulnerabilidade
O famoso geralmente se torna muito vulnerável. Quero pontuar 3 brechas que são abertas com a fama e que tornam o famoso vulnerável e desprotegido:
. Incredulidade
A pessoa famosa dificilmente permitirá que Deus decida algo por ela. O famoso “enlouquece” com a possibilidade de Deus interferir em seus planos. Normalmente um famoso só se lembra de Deus no que diz respeito à bênção. A opinião de Deus não importa. O que importa é sua bênção. Porém, este é o perfil de uma pessoa incrédula, impulsionada por sua independência.
Mas as coisas ficam muito mais sérias quando o famoso além de não crer em Deus pensa de si mesmo um “deus”. Atletas famosos chegam a ser denominados “deuses” de sua modalidade. Um baterista famoso chegou a dizer que seu “deus” eram suas mãos.
Este é o estágio mais lamentável da fama. A bíblia diz “maldito o homem que confia no homem e faz da própria carne o seu braço”. (Jr.17.5)
. A rápida subida
As tentações do pináculo e do alto monte são extremamente reais. Muito se tem comentado sobre o prejuízo a vida dos “precoces talentos do futebol”, que ainda novos e imaturos tornam-se ricos e famosos. Rapidamente torna-se evidente a falta de estrutura emocional e espiritual destes jogadores que perdem gradativamente valores preciosos à medida que sobem de vida rapidamente.
. O inevitável declínio
Se por um lado a rápida subida é prejudicial, o declínio é inevitável e também traz problemas consigo.
“Tudo o que sobe tem de descer”, diz um ditado.
Isto não se aplica apenas ao Senhor (Sl.103.19). Mas aos homens, é certo e um tanto óbvio.
A vida de um famoso pode ser comparada as “paradas de sucesso”. Ninguém conseguirá manter a primeira posição para sempre.
Onde estão certos famosos? Alguns, falidos, outros, sozinhos. Uns perderam a família, os amigos, a saúde. Uns perderam a fé; e outros, a vida.
Satanás continuará com seu comércio e sua oferta (Mt.4.8,9). Que o Senhor nos proteja! Que o Deus Todo Poderoso guarde nossa alma.

Indico a canção “Guarda-me” de nosso CD Frutos do Espírito 7 – Deus está no trono! Você pode ouvi-la gratuitamente em nosso myspace http://www.myspace.com/danielsouzafe7

Esta música é uma oração diante daquele a quem pertencem o reino, o poder e glória, para todo sempre! Amém!

Paz a todos!
No amor de Jesus, Daniel Souza,

7 comentários:

Aba e Glasy disse...

Pastor, o que mais assusta não é somente as celebridades seculares mas as do mundo gospel.Muitas tem sido alvo de ridiculos por nao mais ouvir a voz do Senhor.Tem também a celebridade de igreja.Aquele q se sente o melhor do louvor ou outros departamentos.Chegam a fazerem chantagem dizendo:Só eu consigo,vamos ver até onde vai sem.Triste isso mas eu junto com sua equipe e toda a igreja quero orar por esses irmãos que perderam a essencia,nao julgá-los.Obrigada pela alerta!

Leo disse...

DEus é maravilhoso, mas temos uma responsabilidade de diminuir para que Ele seja Glorificado através de Nós.

Allan Gomes disse...

Participei do congresso Adoração e Discipulado há alguns dias atras e por um instante, em resposta há uma das perguntas feitas no auditório, notei o Pr. Daniel tocar neste assunto sem se aprofundar, visto que sua resposta não tratava diretamento deste assunto. Mas confesso...fiquei intrigado e busquei algumas repostas.
Obrigado por postar o assunto Pr. Daniel. A edificação é automática.

Priscilla Peixoto disse...

Nossa, esse louvor é muito lindo!
Esse ponto foi muito importante, principalmente para aqueles que confundem fama com adoração. Que Deus o abençoe, Pr. Daniel!

Abraços.

PEREGRINO disse...

Glória a DEUS por tua preciosa vida irmão!

Me chamo Luis, resido em Joinville/SC, casado, pai de 2 filhos e peregrino nesta terra desde muito cedo.

Tenho sido abençoado pelas tuas canções e principalmente pela tua HUMILDADE, qualidade que reflete a Glória de DEUS em tua vida Daniel.

Longe dos holofotes, da mídia secular fazes o REino de DEUS ser conhecido e expandido aqui nesta Terra.

Fico envergonhado e confuso ao ver irmãos se premiando, o melhor cantor, o melhor compositor, a melhor banda, etc.

Fico pensando o que JESUS diria se recebesse um prêmio desses:
" Amém....Amém...Uhuuuuu (grito de emoção)....Obrigado..Quero agradecer em primeiro lugar ao meu PAI por este prêmio, Evangelista do ANO. Por ELE ter confiado a mim uma responsabilidade tão grande. Agradecer também a minha produção, aos que me rodeam, meus fiéis e bons discípulos... É nóis galera....Agradecer meus patrocinadores, alparcas, túnicas belém e jumento-táxi jerusalém...Enfim...muito obrigado a todos..."

É óbvio que seria outro o seu discurso, aliás Daniel, ele já o fez:

Eu não aceito glória dos homens,
João 5:41

Eu vim em nome de meu Pai, e vocês não me aceitaram; mas, se outro vier em seu próprio nome, vocês o aceitarão.
João 5:43

Como vocês podem crer, se aceitam glória uns dos outros, mas não procuram a glória que vem do Deus único?
João 5:44

Enfim, amado irmão Daniel.
Louvo a DEUS pela sua posição.

Graça e Paz!

Luis Carlos Mathias
JOinville/SC

Lucas Gonçalves disse...

Excelente texto Pr. Daniel. Infelizmente, existe muitas pessoas que querem a fama a qualquer custo! Que o Senhor Jesus continue te abençoando!!! Abração ;)

Palavras do Reino de Deus disse...

Ola Irmão Daniel Souza. Sou de Cuiabá-MT, louvamos a Deus pelo seu trabalho.
Conheci seu trabalho atra vez dos irmãos que se encontra em Cuiabá, principalmente pelo discípulo Rogério Carvalho.
Que Deus continue te abençoando.

Postar um comentário

Obrigado por ler e comentar!